Banho de Graca

Ontem foi um dia realmente difícil, um dia daqueles. O trabalho estava pegado, trabalhei até as 23:00, e ainda por cima eu moro longe do trabalho. Durante o caminho eu fui pensando no banho quentinho e relaxante que eu tomaria quando chegasse em casa.

O show de Truman e a Religiosidade

Mês passado eu estava passando os canais na televisão e me deparei com esse filme “O Show de Truman”. O show de Truman é um filme de 1998, eu o assisti na época do lançamento e depois nunca mais tinha visto (isso prova que estou ficando velho).

#006 - Jesus e Nicodemos

Daqui para frente Jesus terá uma série de encontros onde seu objetivo principal será expor os corações das pessoas. E ele começa essa série se encontrando com Nicodemos e durante esse encontro Jesus nos ensina sobre o novo nascimento, nascimento esse que vem do Espírito e não da carne.

#005 - Jesus no Templo

Jesus expulsa os mercadores que estavam no templo, fazendo da graça de Deus um comércio. Nem parece que isso foi escrito a dois mil anos atrás. Jesus muda a visão deles de templo e de graça.

Archive for 01/04/09 - 01/05/09

Vivendo o Reino de Deus

A idéia é essa galera!

A História das coisas

Essa semana recebi esse vídeo de um amigo. Assisti, e fiquei perplexo em saber que pouco sabia sobre a história das coisas. Num mar de profissionais da fé onde velejamos nos dias atuais, que falam como papagaios e lucram como piratas, esse vídeo foi um oásis. Não sei se a autora é cristã, não quero saber e tenho raiva de quem sabe, mas sei que fui confrontado pela maneira como tenho tratado o mundo que Deus nos deu para viver. O Reino de Deus é também cuidar dos recursos deixados por Deus.



Vamos viver o Reino de Deus de maneira integral.

A Matrix do Reino de Deus


Os irmãos Andy e Larry Wachowski ao criarem o filme “Matrix” nem imaginavam quanto sua criação tinha haver com a realidade do povo evangélico atual. O cerne filosófico do filme se baseia na pergunta: “o que é o real?”. Uma pergunta que deveria permear os nossos corações todos os dias, mas infelizmente não passa em nossas cabeças. O filme, em si, é uma miscelânea de estilos e religiões. Mas voltando a realidade atual evangélica, será que o povo, conhecido como povo de Deus sabe o que é real? Ou será que esse povo tem vivido a realidade?

Satanás tem enganado o povo de Deus de maneira estarrecedora. Ele sabe que dizer que Deus não existe não funciona mais. Dizer que Cristo não veio em carne muito menos. Então, uma outra estratégia usada por ele é desviar os crentes do real. E percebam, essa não é uma estratégia nova, ele já vem usando isso há algum tempo.

Jesus ensinava no templo alguns judeus que haviam crido nele e disse: “Se vocês permanecerem firmes na minha palavra, verdadeiramente serão meus discípulos. E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará”. Mas eles se sentiram ofendidos porque não se achavam escravos, diziam que eram filhos de Abraão, filhos de Deus. Estavam tão enganados que não tinham percebido que estavam escravizados pelo pecado, poderiam até ser descendentes de Abraão, mas estavam longe de serem filhos de Deus. Estavam vivendo na matrix de satanás, longe da realidade que é Cristo.

A igreja hoje tem se perdido dentro da matriz de satanás, feliz da vida, entendendo que está cumprindo a ordenança de Deus. Onde Deus ordenou a criação de denominações, onde Deus ordenou acepção por formas de batismo diferentes. Que eu saiba ele ordenou o amor entre os irmãos e o suportar uns aos outros. Assim como os fariseus a igreja de hoje tem se divertido dentro da matrix, tentando matar todos aqueles que ousam sair dela. Dentro da matrix a palavra de Deus não tem vez, mas o que predomina são os “achismos”, dos mais variados gostos.

O lado de fora da matrix é o Reino de Deus, e a igreja atual está longe de ser o Reino de Deus. Para entrar nesse Reino é preciso conhecer a verdade e essa verdade os libertará. Libertará de que? Da enganação da matrix de satanás.

O Senhor Jesus morreu por nós para que fossemos libertos da escravidão do pecado e da religiosidade, mas parece que muitos preferem estar aprisionado aos dois. Se a igreja se voltar à palavra de Deus e ao Deus da palavra vai conseguir entender essa verdade e vai conseguir tomar a pílula certa, que é Jesus, e os seus olhos vão se abrir para a verdadeira verdade, se é que posso assim dizer, que é “permanecer em Cristo e na sua palavra” isso é realidade.

QUEM SOU

Meu nome é Rodrigo, mas isso não é quem eu sou é o meu nome, e ele não define quem sou.

Sou pastor da igreja de Cristo em Cabo Frio, mas isso também não é quem sou, mas o que Deus me chamou para fazer.

Poderia dizer que sou casado marido da Priscila, mas esse é o meu estado cívil e não quem sou.

Estudei um pouco de teologia e filosofia, mas isso não define quem sou.

Então quem sou eu?

Sou um pecador, que vive pela graça, carregado pela misericórdia de Deus, que busca viver o Reino de Deus.

Em primeiro lugar sou pecador porque nasci pecador, continuei pecando, e ainda continuo. Só que hoje sou um pecador diferente.

Eu vivo pela graça porque sem ela eu não existiria, não estaria respirando, e muito menos escrevendo esse texto. Essa graça eu não comprei, primeiro porque ela não tem preço e segundo se tivesse eu não teria como pagar. Essa graça eu ganhei do Senhor de graça e só existo por causa dela.

Eu sou carregado pela misericórdia, porque através dela é que o Senhor continua caminhando comigo, não só caminhando comigo, mas, na maioria das vezes, me carregando com ele.

E agora, depois de ser alvo da graça e da misericórdia de Deus eu tenho uma tarefa a realizar viver o Reino de Deus, ou seja, lutar para que a sua vontade seja feita na terra como ela já é feita no céu.

Eu acho que é isso...

SERIES

Simples assim!

Algum tempo atrás eu estava pensando sobre a complexidade do evangelho atual, e percebi que há algum tempo estamos fugindo da simplicidade do evangelho de Cristo.
Por isso decidi escrever uma série de artigos definindo termos como, culto, igreja, oração, graça e etc.
É um convite à volta da simplicidade do evangelho.





15 Teses sobre a verdadeira igreja

Um amigo certa vez me indicou um livro "Casas que transformam o mundo" de Wlofgang Simson. E esse livro me impactou bastante sobre o que é a essência da igreja.
E nesse livro ele sugere 15 teses sobre a verdadeira igreja e eu aproveitei o titulo e as teses, acrescentei algumas coisas e surgiu essa série de artigos que são reflexões sobre a igreja.
Não são criticas, como alguns pensam, mas reflexões sobre o que biblicamente entendo ser igreja.





A igreja que não existe mais

Essa série na verdade é um artigo só que encontrei no blog do Ariovaldo Ramos e, por ser grande de mais, eu transformei em quatro artigos.
É uma reflexão que contrasta a realidade da igreja primitiva e a nossa realidade de igreja hoje.
Vale a pena refletir com esse homem de Deus.

LINKS

CONTATO


Entre em contato


Nome





Email





Assunto





Mensagem